17 de dezembro de 2014

Fica aqui o meu desejo de um feliz 2015!

Mais um ano passou, quer dizer que apresenta-se pela frente um ano novo ainda por preencher. 
Como "um caderno novo com todas as folhas vazias e sem rastos de nenhuma presença", assim é a sensação dos primeiros dias de janeiro...
Seja por religião, tradição, costume, não haver alternativa, ou simplesmente porque gostam ou porque sim, nesta altura do ano muitas pessoas juntam-se em familia e amigos com o objetivo de passar bons momentos. 
Para aqueles que vão passar estas datas com a familia, com os amigos, trabalhando, em casa, de férias, a viajar, presos pelo tránsito, sozinhos, com vinho, sem vinho, ou esquecidos em algum aeroporto... espero e desejo que as coisas boas do 2014 sejam as piores do 2015!

Feliz 2015!!



Soledad Álvarez


Another year passed, that means it is time to face a new year still unfilled.
Like "a new notebook with all empty pages and without traces of any kind of presence," so is the feeling of the first days of January ...
Due to religion, tradition, customs, lack of alternative or simply because they like, at this time of the year many people join family and friends in order to have a good time.
For those who will pass these days with family, with friends, at work, at home, on holidays, travelling, stucked in the traffic, alone,with wine, without wine, or forgotten in some airports ... I hope and wish that the good things of 2014 will be the worst ones of 2015!

Happy 2015!!

Estadia no Porto Santo



Estadia no Porto Santo

Há umas semanas estava na ilha de Porto Santo para fazer o trabalho do aeroporto, fazendo censos de aves. O objetivo do estudo é o de reduzir os impactos entre as aves e os aviões.
O estudo consiste em registar as aves durante os primeiros quinze minutos de cada hora desde o nascer do sol até o pôr do sol em diferentes pontos do aeroporto. 

Ponto Norte de observação


Torre controlo aeroporto Porto Santo

No primeiro dia as observações são feitas no ponto norte e no ponto sul e no dia seguinte na torre de controlo. Há que tomar dados da direção do voo, comportamento e interação com a pista.
As observações que vimos foram mantas, francelhos, garça-real e muitos passeriformes.  


Na ilha de Porto Santo fiquei muito impressionada porque é muito diferente à Madeira, mais seca, com pouca vegetação, mas com paisagens espetaculares.


Miradouro Portela


Few weeks ago I went to Porto Santo island during three days to work in the airport. I have carried out birds´ census. The study is aiming to decrease strikes between birds and aircrafts.

The observations are made during the first fifteen minutes of every hour, from sunrise until sunset on different points of the airport: the north point, the south one, and in the following day  the control tower. We have written down data of flight direction, behavior and interaction with the runway.

We have seen  buzzards (Buteo buteo), kestrels (Falco tinnunculus), Gray Herons (Ardea cinerea) and several Passeriformes species.

I really like Porto Santo, is very different from Madeira. The island is dry with very little vegetation but it has a  wonderful landscaspe and amazing views.



Praia de Calheta



10 de dezembro de 2014

A experiência de ser voluntário

Como no passado dia 5 de dezembro comemorou-se o dia Internacional do voluntário, nós queríamos mostrar a nossa experiência como voluntários na Spea-madeira. Chegados desde Espanha e Itália, viemos cheios de energia para desenvolver a atividade nesta entidade. Fizemos muitas coisas e muito variadas sempre envolvidas no âmbito da conservação da avifauna madeirense e do seu habitat. Censos de mar, censos terrestes, escutas noturnas de aves, monitorização de aves, procura de ninhos, saídas de campo, estadias em ilhas e ilhéus, sensibilização e educação ambiental, são alguns exemplos de atividades que desenvolvi-mos ao longo do nosso tempo como voluntários.

Sole:

“Penso que em algum momento das nossas vidas, todos somos voluntários em alguma ação. No meu caso a experiência vivida como voluntária na SPEA é inesquecível. Tive oportunidades excecionais e adquiri experiência profissional, acho que é assim que se produze o feedback entre o voluntário e a entidade, todos obtemos benefícios do trabalho de ambos. Os proveitos da minha experiência foram impagáveis, censos marinhos, escutas noturnas, monitorização de aves marinhas, campanha salvar aves marinhas, educação e sensibilização ambiental, etc. e além tive a oportunidade de conhecer espaços naturais privilegiados como as Ilhas Selvagens. Incentivo assim as pessoas para serem voluntários e comprometidos com a nossa sociedade, todos ganhamos com isso. Só me resta dizer, muito obrigada SPEA, é sempre um prazer!"
















Antonio:

“A minha experiencia como voluntário começou na Malta em 2013 e continua ate agora na Madeira. Nas duas ocasiões tive a possibilidade de ser voluntário para organizações não governamentais empenhadas na defesa das aves e do seu habitat. Os conhecimentos, as experiencias e os lugares em que vivi ajudaram-me muito para o meu desenvolvimento profissional e pessoal. Trabalhar para a SPEA foi desde o primeiro dia um prazer e um grande estímulo: com todos os projetos que esta entidade tem, nós voluntários tivemos a oportunidade de conhecer magníficos espaços naturais e de aproveitar o espetáculo da natureza selvagem. O voluntariado é uma ótima forma de dar e receber, lutando para umas causas nas quais acreditamos e pelas mudanças que achamos necessárias para melhorar o nosso entorno. Muito obrigado SPEA pela experiência inesquecível!”






Soledad Álvarez e Antonio Vulcano




Due to the celebration of the international day of the volunteer on the past 5th of December, we would like to share our experience as volunteers of SPEA-Madeira. Coming from Spain and Italy, we arrived full of energy to work in this organization. We took part in many actions linked with birds’ and habitats’ conservation of Madeira. Boat-based observations, land-based censos, night listening, bird monitoring, nests’ searching, fieldwork, outdoors activities in islands and islets, environmental sensitization and education: these are few examples of the activities we participated in during our time as volunteers.

Sole:
I think that at a certain point in our lives everyone has volunteered, taking part in some actions. In my case the experience lived as SPEA’s volunteer is unforgettable. I had exceptional opportunities and developed professional experience; I think this is the right way to create the feedback between the volunteer and the entity, as both parts receive mutual benefits during their work. The profits of my experience were remarkable, marine census, nocturnal listening, shearwaters’ monitoring, campaign “rescue a shearwater”, education and environmental sensitization, etc. and in addition I had the opportunity to know pristine natural spaces like Selvagens Island. I encourage people to volunteer and be committed with our society, as we can all take advantage with it. I would just like to say few words, thank you so much SPEA, it is always a pleasure!

Antonio:
My experience as a volunteer started in Malta in 2013 and keeps going on now in Madeira. In both occasions I had the possibility to volunteer for two environmental NGOs which are committed for the protection of the birds and their habitats. The knowledge and the experience I gained and the places I’ve been living in helped me to expand my personal and professional horizons. Working for SPEA has been since the very first moment a pleasure and a great stimulus: whit all the projects this NGOs is promoting, we had the opportunity to see stunning natural places and admire the wild nature. Volunteering is a great way to give and receive, fighting for something we believe in and improving our surroundings. Thank you very much SPEA for the unforgettable experience! 


Soledad Álvarez & Antonio Vulcano

5 de dezembro de 2014

A importãncia da educação ambiental

A importãncia da educação ambiental  
 
A importância da educação na sociedade de hoje é, sem dúvida, um elemento de discussão entre os cidadãos. Uma sociedade é justa, eficaz e coesa socialmente se as pessoas que a criam têm capacidades para controlá-la e geri-la de maneira adequada. Estas capacidades só se desenvolvem com uma boa educação.

Educar (e sensibilizar) é uma tarefa difícil, onde é necessário combinar aspetos diferentes, entre os quais paixão, motivação, conhecimentos.




A equipa da SPEA propõe um excelente programa de educação ambiental para dar a conhecer as aves endémicas do arquipélago e o seu habitat.
Para o ano letivo 2014/2015, a SPEA definiu e estruturou algumas atividades de educação e sensibilização ambiental para a comunidade escolar, as quais abordam, principalmente,  a conservação da avifauna e habitats do nosso arquipélago.


Relembramos que todas as ações referidas no programa são gratuitas.
Além dos ateliers, saídas de campo, exposições e concursos variados, estas são as principais palestras proferidas pela SPEA:

"Salve uma ave marinha"

"Fura-bardos e o seu habitat"

"Aves marinhas do arquipélago da Madeira"

"Bis-bis e as aves da Laurissilva"

"As aves endémicas do arquipélago da Madeira"

"Homem: qual é o seu impacto na natureza?"

"Eu? Cidadão Cientista?"

Em 2013/2014 atingimos diversas escolas, com 64 ações dirigidas a 2029 alunos, o que consideramos um enorme sucesso na sensibilização da comunidade escolar. 

O programa está implementado desde 2009 e a cada ano cresce o número de estudantes participantes. 

E lembrem-se que a educação é a primeira medida de conservação! 

The leading role of environmental education 

The leading role of education in modern society is the hub of discussion among citizens. A society is fair, efficient and cohesive if its people have the right skills to control and manage it in the right way. These skills can be developed only with a proper education.

Educate (and sensitize) is a difficult task, and it is important that different aspects, as passion, motivation, knowledge merge together.

SPEA team offers an excellent program f environmental education to get to know to people the endemic species of the archipelago and their habitat. For the scholar year 2014/2015, SPEA defined and structured some activities of environmental education and sensitization for the schools, which mainly embrace the conservation of birds and habitats of our archipelago.

It is important to remember that all the given actions are for free. Besides ateliers, outdoors activities, expositions and different contests, these are the main lectures given by SPEA:
 
“Save a seabird”

“The Macaronesian Sparrowhawk and its habitat”

“Seabirds of the Madeiran archipelago”

“Madeiran firecrest and birds of Laurel forest”

“Endemic birds of Madeiran archipelago”

“Man: what is his impact in nature?”

“I? Scientist Citizen?”

In 2013/2014 we reached several schools, with a total of 64 actions and 2029 students, which can be considered as a great success in the sensitization process of the school community.

The program it is implemented since 2009 and every year the number of students who take part in it is growing.

And beware: education is the first step to conservation!

2 de dezembro de 2014

Chegou uma carta!

Alguém se lembra quando foi a última carta postal que recebeu?
Não me refiro às faturas ainda por pagar (ou pagas no melhor dos casos), às cartas do banco, às publicidades de estabelecimentos,… refiro-me a aquelas cartas escritas a mão por alguma pessoa querida, que em determinado momento decidiu escrever para te contar as novidades. Lembras-te dessa última carta que recebeste?...
Eu, não me lembro da última que recebi, mas sim me lembro que anos atrás ainda recebi alguma. Está certo que hoje em dia se calhar não faz muito sentido, dado que temos a Internet e redes sociais onde regularmente podemo-nos comunicar com as pessoas que temos longe, e ainda bem que as temos, de facto aproximam-nos aos nossos seres queridos afastados! Mas em paralelo a esta tecnologia a ilusão de receber uma carta que há dias esteve nas mãos de um ser querido e agora podes ter nas tuas mãos é diferente.
Antigamente receber uma carta era receber notícias, por vezes não boas, dos amigos ou família que estava longe, pelo que receber uma carta era por momentos nervosismo, intriga e inclusive preocupação. Hoje, de facto, receber uma carta é sinal de boas notícias! Ninguém espera por carta postal aviso de uma má notícia. Por isso, no meu ver hoje se vemos uma carta nos correios (se nos lembramos de vê-los), é possível que fiquemos com um sorriso na cara inclusive antes de ver o remitente.

É assim, que a minha publicação de hoje está dedicada às “cartas dos correios”, e por tanto, animo a todos os que quisessem tirar um sorriso dos seus seres queridos, a enviarem uma carta pelos correios. Eu já vou lá…


Querido...



Soledad Álvarez



Does anyone remember when was the last postal letter you received?
I do not mean to invoices not yet paid (or paid at best), the letters from the bank, the advertising establishments ... I mean those letters handwritten by some dear person, who at one point decided to write to you tell the news. Remember that last letter you received? ...
I do not remember the last I received, but I remember that years ago I received some. It is true that today maybe it makes little sense, given that we have the Internet and social networks where regular one may communicate with the people we have far, and thankfully that we have indeed bring us closer to our loved ones away! But parallel to this technology the illusion of receiving a letter that few days ago was in the hands of a loved one and now you can have in your hands is different.
Previously receive a letter was to receive news, sometimes not good, friends or family who was away at receiving a letter was by nervousness moments, intrigue and even concern. Today, in fact, receive a letter is a sign of good news! No one expects a letter postal notice of bad news. Therefore, in my view today if we see a letter at the post office (if we remember to see it), you may stay with a smile on your face even before seeing the sender.
So, my today's publication is dedicated to the "letters of the post office," and therefore, I encourage all those who want to get a smile from their loved ones, to send a letter by post office. I'll be right there...




18 de novembro de 2014

Exposiçao na Madeira Shopping



Esta semana passada estivemos no Madeira Shopping a acompanhar a exposição sobre "o fura bardos" para divulgar o projeto LIFE para a conservação desta ave.


Os meninos acercavam-se atraídos pelas máscaras e os desenhos para colorir que tínhamos dispostos numa mesa. Muitos tinham vergonha e não falavam apenas, mas outros faziam perguntas sobre esta ave de rapina. Nos, falamos-lhes do seu habitat, a Laurissilva, e dos problemas que têm para sobreviver, como os incêndios, ou as plantas invasoras que reduzem a quantidade de Laurissilva disponível.



Depois eles marchavam muito contentos com a sua mascara bem colocada.

Alguns também participavam no concurso para
pôr-le nome a mascote do Fura-bardos
Foi uma semana cansativa, mas muito enriquecedora!




Exposition at Madeira Shopping 

This past week we have been at Madeira Shopping, taking part on the Macaronesian Sparrowhawk exposition to spread the LIFE project for the conservation of this prey bird.




Children came to the colouring table and chairs, attracted for the masks and drawings of the Furabardos pet. A lot of they were shy and didn't speak, but others asked about this prey bird. We talked about the Fura-bardos habitat, the Laurissilva, and the problems that they have to survive, like the fire, the invading plants, etc.

After that, they went back  with their families, happy, with the mask well put.



This week were a tired week, but I enjoyed very much!

Algumas das minhas estrelas...

Hoje vou dedicar esta entrada a verdadeiros merecedores de uma salva de palmas. Pelo seu contributo ao desenvolvimento da nossa sociedade, pelo legado, pelos conhecimentos descobertos, pela ajuda prestada, e por fazerem hoje as coisas mais fáceis aos que cá estamos,…e tudo desde a minha humilde opinião, muito obrigada.

Todos somos muito ignorantes. O que passa é que não todos ignoramos as mesmas coisas… Uma das muitas afirmações de Albert Einstein, físico alemão nascido a 14 de março de 1879. Presentou em 1915 a teoria da relatividade geral, reformulando por completo o conceito da gravidade e dando surgimento ao estudo científico da origem e evolução do Universo pela rama da física denominada cosmologia. Pelas suas explicações sobre o efeito fotoelétrico e as suas numerosas contribuições à física teórica, obteve em 1921 o Premio Nobel de Física, e não pela Teoria da Relatividade devido a que o cientista a quem foi encomendada a avaliação não a entendeu.
Efeito fotoelétrico, movimento browniano, relatividade especial, equivalência massa-energia,… muito obrigada Sr. Einstein!

Em Astúrias, Espanha, repousam os restos de Severo Ochoa, descobridor junto com Arthur Kirnberg, do mecanismo de síntese biológica do ARN e o ADN, descobrimento por o que receberam conjuntamente o Premio Nobel de Fisiologia ou Medicina em 1959.
Muito obrigada Sr. Ochoa!

Aos trinta y dois anos chegou à India e dedicou o resto da sua vida a trabalhar para erradicar o sofrimento das pessoas mais pobres do país, Vicente Ferrer. Instalado em uma das regiões mais pobres da India, instaurou um singular sistema de trabalho que gerou um grande movimento de solidariedade. Organizou pequenas cooperativas para a escavação de poços, canalizações para abastecimento de água, bancos de sementes, parcelas de regadio, construção de serviços comunitários, criou duas escolas, um hospital e duas residências de alunos. E tudo isto, simplesmente para ajudar às pessoas.
Muito obrigada Sr. Ferrer!

Obrigada Nicolau Copérnico pela publicação da Teoria Heliocêntrica, e mostrar que somos nós os que damos voltas ao Sol, e não as coisas as que viram ao nosso arredor. Uma das teorias consideradas das mais importantes na história da ciência ocidental.
Muito obrigada Sr. Copérnico!

Aportou o seu pensamento às teorias evolucionistas. Alfred Wallace lançou a teoria zoogeográfica, que dividia o mundo em grandes regiões ou reinos animais. Identificou diferencias entre a região Indomalaya e a Australiana, pelo que a linha que separa ambos reinos é conhecida como a Linha de Wallace.
Muito obrigada Sr. Wallace!

Charles Darwin ensinou-nos na teoria evolutiva que, os organismos mais bem adaptados ao meio têm maiores chances de sobrevivência do que os menos adaptados, deixando um número maior de descendentes, quer dizer, os organismos melhor adaptados são selecionados para aquele ambiente. O seu contributo é a base fundamental da biologia como ciência.
Muito obrigada Sr. Darwin!

Em outubro de 1881 nasceu Pablo Ruiz Picasso. Pintor e escultor espanhol, foi o criador junto com Georges Braque e Juan Gris, do movimento “cubista”, uma tendência essencial que originou as demais vanguardas europeias do século XX. É considerado a rutura definitiva com a pintura tradicional.
Muito obrigada Sr. Picasso!

Pioneira no campo da radiatividade, Marie Curie foi entre outros méritos, a primeira pessoa em receber dois Prémios Nobel em distintas especialidades Física e Química, e a primeira mulher em ser professora na Universidade de París. Por ter conseguido o isolamento de elementos químicos como o Radio (Ra) e o Polonio (Po), e pelo seu contributo a este campo da ciência…
Muito obrigada Sra. Curie!

Com o trabalho e dedicação destas pessoas, como também de tantas outras, hoje conseguimos compreender melhor a vida, e sem dúvida é para nós muito mais fácil. Ainda temos muitas pessoas que estão a dar na atualidade grande contributo à sociedade, não deixemos de oferecer uma salva de palmas a estas pessoas que dedicam as suas vidas ao bem-estar geral, obviamente com vontade.

Mais uma vez, faço aqui uma reflexão para celebrarmos e dedicarmos o nosso entusiasmo com estas verdadeiras estrelas da sociedade.

"Guernica". Pablo Picasso.

Soledad Álvarez

Today I'm dedicating this entry to the ones who deserve a genuine standing ovation. For your contribution to the development of our society, legacy, knowledge that today make things easier for us,  with my humble opinion,  I thank you.

"We are all very ignorant. What happens is that not all ignore the same things "... One of the many statements of Albert Einstein, German physicist born on March 14, 1879. He proposed in 1915 the theory of general relativity, reshaping the whole concept of gravity and giving rise to the scientific study of the origin and evolution of the universe called the raw physical cosmology. For his explanations of the photoelectric effect and his numerous contributions to the theoretical physic, he received in 1921 the Nobel Prize in Physics. Einstein was due to be awarded in 1920 for his theory of relativity, but the scientist who commissioned the evaluation did not understand the importance of this discovery and the German physicist  had to wait a further year to get the Nobel.
Photoelectric effect, Brownian motion, special relativity, mass-energy equivalence, ... thank you Mr. Einstein!

In Asturias, Spain, lie the remains of Severo Ochoa, discoverer along with Arthur Kirnberg of the mechanism of biological synthesis of RNA and DNA.  This discovery jointly received the Nobel Prize in Physiology and Medicine in 1959.
Thank you Mr. Ochoa!

At the age of thirty two years, he went to India and devoted the rest of his life working to eradicate the suffering of the poorest people in the country. Installed in one of the poorest regions of India, Vicente Ferrer introduced a unique system of work that spawned a great movement of solidarity. He created small cooperatives for digging wells, pipelines for water supply, seed banks, irrigated plots, and he constructed  social community centers, two schools, a hospital and two residences for students. And all this, just to help people.
Thank you Mr. Ferrer!

Thanks to the publication of Nicolaus Copernicus of Heliocentric Theory, we know that we are the ones that turn around the sun, and that there are not things that turn around us. One of the most important theories in the history of Western science.
Thank you Mr. Copernicus!

Contributing with his thoughts to evolutionary theories, Alfred Wallace launched the zoogeographical theory, dividing the world into large regions or animal kingdoms. He identified differences between Indomalaya and the Australian region, therefore the line that separates both realms is known as the Wallace Line.
Thank you Mr. Wallace!

Charles Darwin taught us in his evolutionary theory that organisms best adapted to their environment are more likely to survive than those less adapted, leaving a larger number of offspring, i.e. the best adapted organisms are selected for that environment. His contribution is the cornerstone of biology as a science.
Thank you Mr. Darwin!

In October 1881 was born Pablo Ruiz Picasso. Spanish painter and sculptor, was the creator along with Georges Braque and Juan Gris, of the movement of "cubism", an essential trend that led other European avant-gardes of the twentieth century. It is considered the definitive break with traditional painting.
Thank you Mr. Picasso!

Pioneer in the field of radioactivity, Marie Curie was among other merits, the first person who received  two Nobel Prizes in Physics and Chemistry as distinct specialties, and the first woman to be a teacher at the University of Paris. To have achieved the isolation of chemical elements such as Radio (Ra) and Polonio (Po), and for her contribution to this field of science ...
Thank Mrs. Curie!

With the work and dedication of these people, as well as many others, today we better understand our life, which turned, without doubts, much easier. We still have many people who are making today great contribution to society, and we do not long offer a round of applause to these people who dedicate deliberately their lives to the general welfare. Again, I reflect here to celebrate and dedicate our enthusiasm to these true stars of society.